Sexta-feira, 30 de Novembro de 2007
...

 Devido à época natalícia que nos encontramos, personalizamos o nosso blog a rigor.

Esperamos que gostem!!!

Desejamos boas festas a todos os nossos visitantes.



publicado por roupitas às 14:36
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito

Quarta-feira, 28 de Novembro de 2007
A temperatura e o sono do bebé

O bebé prematuro sente mais frio?

   bebé prematuro deve ser mantido sempre bem aquecido. A princípio, ele tem dificuldade de manter a temperatura. Mas a melhor maneira de saber se o bebé está com frio é tocando na pele dele e observando se está fria, quente, marmórea, com manchas e extremidades (dedos dos pés e mãos, lábios) roxas.

   A pele arroxada pode ser também pela dificuldade respiratória, portanto, se a mãe estiver em dúvida, deve verificar a temperatura usando um termômetro. Se estiver com a temperatura baixa (menor que 36ºC), a mãe deve aquecer o bebê, fazendo mãe-canguru, ou ainda, colocando nele um gorro, casaquinho, sapatinho e, se necessário, cobrí-lo com manta.

 

Porque é que o bebé prematuro  dorme mais que um bebé nascido de uma gestaçao completa?

   A princípio, todos os prematuros dormem bem. Características do comportamento do prematuro que podem perdurar por meses na criança, dificultando seu relacionamento com os pais, referem-se ao sono e à reduzida capacidade de resposta aos estímulos externos. O prematuro dorme mais que um bebê a termo, diminuindo as oportunidades de interação entre mãe-filho e família e dificultando a amamentação(15). Estes bebês respondem menos a estímulos, precisando que o adulto se esforce mais para estimulá-los, e não se sintam desanimados pela pouca resposta.

.

                      



publicado por roupitas às 11:00
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito

Segunda-feira, 26 de Novembro de 2007
O choro

Quais são as principais causas do choro do prematuro?

 

O choro é uma forma de comunicação. Os bebés têm vários choros para coisas diferentes. As causas mais comuns de choro podem ser:

 

©       Fome, especialmente se não mamou há mais de 2 horas;

©       Inquietude, por não estar bem acomodado, por roupas molhadas ou apertadas;

©       Frio ou calor;

©       Incomodado pela posição no berço;

©       Sono;

©       Nariz entupido que dificulte a respiração;

©       Muita estimulação, alguns prematuros é muito irritada, não toleram bem as actividades que o rodeiam, nem o  contacto com seu cuidador;

©       Dor, em especial por cólica;

©       Dor por algum problema de saúde;

©       Otite.

 

Dicas do que fazer em caso de choro:

1.     Assegurar-se de que o bebé não esteja com fome, molhado ou incomodado;

2.   Assegurar-se de que não esteja doente, (febre, diarreia, hipotermia, diminuição acentuada da actividade, recusa alimentar ou vómitos, etc);

3.   Envolvê-lo em uma manta;

4.   Abraçá-lo, mantendo contacto pele-a-pele;

5.   Caminhar com o bebé;

6.   Deixar a cabeça do bebé mais alta que o resto do corpo, durante a alimentação;

7.   Durante a alimentação ajudá-lo a arrotar, colocando-o em posição elevada;

8.   banhá-lo.

 

 

                



publicado por roupitas às 13:11
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito

Sexta-feira, 23 de Novembro de 2007
Higiene

      Até 1,5kg o bebé deve ser banhado  dia sim, dia não. A partir desse peso ele deve tomar banho todos os dias. É necessário lavar as mãos e preparar tudo: toalha, gel de banho (recomendado por um pediatra), roupa, fralda e manta. É preciso verificar se a temperatura da água está adequada. Com o bebé ainda vestido, deve-se lavar suavemente o rosto com as mãos molhadas, sem usar sabonete. Secar com a toalha cuidadosamente sem esfregar a pele e com um pano húmido, limpar as orelhas. Tapar os ouvidos do bebé e com a outra mão lavar, enxaguar e secar a sua cabeça. Só então se deve retirar a roupa dele para o banho.
       Deve-se falar com o bebé durante o banho para ele se sentir mais seguro. E não se deve usar pó talco. É preciso vestir roupas confortáveis, pois o bebé gosta de se movimentar.

       As fraldas devem ser trocadas com frequência e é importante limpar o rabinho com água e sabonete neutro após as evacuações, mantê-lo seco e não deixar a fralda muito apertada.
        As  roupas devem ser macias, de cores claras, de preferência de algodão, sem muitos elásticos, enfeites, e babetes. Deve-se evitar sabão em pó e amaciante e enxaguar bem. Pode-se colocar uma colher de vinagre para cada litro de água no último enxaguamento, para deixar a roupa mais macia e diminuir os resíduos do sabão.

        É importante passar as roupas a ferro para eliminar os micróbios.




publicado por roupitas às 14:15
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito

Quarta-feira, 21 de Novembro de 2007
Cuidados a ter em casa

   Os bebés prematuros que atingem o peso ideal (igual ou superior a 2 Kg) e que já não necessitam de cuidados hospitalares, podem ir para casa.

   Em casa, necessitam dos mesmos cuidados que um bebé de termo, embora com algumas particularidades.

   O prematuro deve apanhar sol uma vez que este é importante para o seu crescimento, mas é preciso ter cuidado com a duração do passeio, para que o bebé não apanhe sol em demasia (no Verão) ou correntes de ar e frio (no Inverno), mas deve também evitar levÁ-lo a locais fechados com muita gente como escolas, supermercados, shoppings. 

   Quando pegar no bebé deve-se ter em conta que o seu corpo não tem força para sustentar a cabeça, deve agarra-lo com cuidado.

   Deve-se também evitar o contacto com as pessoas constipadas, deixar a casa bem arejada, as visitas devem lavar as mãos antes de pegar no bebé, e impedir que se fume em casa.  

    Em conclusão, deve dar muitos miminhos ao seu bebé, acompanhado com muito carinho e amor, pois ele é o futuro deste mundo.

 

                             



publicado por roupitas às 10:42
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito

Quarta-feira, 14 de Novembro de 2007
Danos cerebrais

    Por sua própria fragilidade, o sistema nervoso central é a parte do corpo que de forma mais fácil sofre danos, e dificilmente sua recuperação é total. Nesse caso, três grandes problemas podem ocorrer:  

J       Paralisia cerebral e distúrbios cognitivos,

J       Deficiência auditiva 

J       Deficiência visual.

Além disso, as crianças também podem vir a apresentar problemas respiratórios e pulmonares. A paralisia cerebral e os problemas de desenvolvimento cognitivo são bastante frequentes no bebé prematuro. Isso se dá em parte pela fragilidade dos vasos sanguíneos cerebrais, que tendem a sangrar com facilidade, assim como a incapacidade que eles têm de manter a pressão adequada dentro do cérebro.      Estudos internacionais que acompanharam bebés nascidos com menos de 28 semanas de gestação indicaram que aos 6 anos 17% dessas crianças apresentavam paralisia cerebral ou baixo quociente de inteligência e 30% mostravam distúrbios neurológicos mais significativos, como hiperactividade e problemas de aprendizado.

 

    

 

 



publicado por roupitas às 10:48
link do post | comentar | favorito

Retinopatia

   O bebé prematuro nasce com os vasos da retina ainda imaturos. Diferentes agentes externos, principalmente as variações de oxigenação, podem originar deficiências nestes mesmos vasos. Esta complicação é diagnosticada por um oftalmologista, observando-se uma maior incidência nos bebés nascidos com menos de 32 semanas.

                                      



publicado por roupitas às 10:37
link do post | comentar | favorito

Segunda-feira, 12 de Novembro de 2007
Hemorragia Intraventricular

       Habitualmente estas hemorragias surgem nos primeiros dias de vida do bebé, sendo diagnosticadas mediante a realização de uma ecografia cerebral. Na maioria dos casos tratam-se de hemorragias pequenas que são reabsorvidas espontaneamente pelo organismo, sem consequências graves. As hemorragias mais graves podem provocar a dilatação dos ventrículos cerebrais, e a compressão do tecido cerebral, danificando-o. Quando se produz uma dilatação (hidrocefalia) pode ser necessário colocar um tubo, para efectuar a drenagem dos ventrículos (válvula).

                                                     



publicado por roupitas às 12:43
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito

Sexta-feira, 9 de Novembro de 2007
...

 

   Queremos agradecer, o destaque na Homepage do SAPO e na Página Principal dos Blogs, mas não podemos deixar de agradecer também a todas as pessoas que têm visitado o nosso blog, e que têm deixado o seu comentário.

 Ana, Liliana, Sandra, Rita



publicado por roupitas às 11:51
link do post | comentar | ver comentários (5) | favorito

Quinta-feira, 8 de Novembro de 2007
Problemas cardíacos

         Durante a vida fetal, existe um vaso, chamado ductus, que faz com que o sangue não passe pelos pulmões, uma vez que o feto recebe o oxigénio através da placenta. Normalmente, este vaso fecha pouco depois do nascimento, permitindo aí que o sangue vá aos pulmões para se oxigenar. Nos prematuros, o ductus, por vezes, não encerra de forma adequada, provocando uma insuficiência cardíaca. A persistência do ductus pode ser diagnosticada pelo aparecimento de um sopro, confirmando-se numa ecografia cardíaca. Geralmente, há medicamentos para resolver este problema, caso não façam efeitos será necessária uma intervenção cirúrgica.



publicado por roupitas às 16:14
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito

.mais sobre nós
.Maio 2008
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

11
13
15
16
17

18
19
20
22
23
24

25
27
30
31


.posts recentes

. Dia Mundial da Criança

. Trocar o berço pela cama.

. Como lidar com as mentira...

. Educação : Castigar ou nã...

. Brincadeiras dos 4 aos 6 ...

. A criança aos 6 anos

. A criança aos 5 anos

. Desenvolvimento da crianç...

. O terceiro aniversário

. Sugestões

.Contador de visitas
Estadisticas y contadores web gratis
Estadisticas Gratis
.Visitas no blog
online
.arquivos

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

.links